quinta-feira, setembro 21, 2006
De volta à vida
Abro a janela do meu quarto
Para respirar um novo ar
Acordei em sobressalto
E a precisar de uma nova vida alcançar.

Sinto o cheiro do dia a entrar pelo meu corpo
A me mostrar que continuo vivo
E a me dizer que tudo foi somente um desgosto
E que sempre posso contar com a natureza como abrigo…

A luz do dia sorri para mim
Faz-me sonhar, até mesmo acreditar
Que sou capaz de caminhar por um imenso jardim,
E que na brisa do vento posso voar.

Uma nova vibração senti na alma
E como esta esperança foi tão bem recebida,
Senti como alguém a me dizer de uma forma calma
Bem-vindo de novo à vida.
 
posted by João Filipe Ferreira at 1:55 da manhã | Permalink |


2 Comments:


  • At 10:27 da manhã, Anonymous Luamar

    Bem vindo também à minha vida! Adoro ler-te! Está lindo!
    Beijo grande

     
  • At 2:21 da tarde, Blogger Angela

    Adoro observar a natureza e perder-me nela. A natureza é tão bela!

    E mesmo se da minha janela não consigo ver a fescura de um jardim ou a dança do mar, olho para a minha outra janela... a tal... que também me traz "De volta à vida".

    Beijinhos.

     


// --> Add to Technorati Favorites site statistics
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////-->
www.e-referrer.com
>