quarta-feira, maio 14, 2008
LIT - HAPPY IN THE MEANTIME


Uma música fantástica de uma banda que muito gosto!! LIT - HAPPY IN THE MEANTIME
 
posted by João Filipe Ferreira at 12:48 da manhã | Permalink |


5 Comments:


  • At 10:44 da manhã, Blogger Enfim...

    gostei muito da musica

    bom gosto

    beijinhos

     
  • At 10:46 da manhã, Blogger Joana Dalila Santos

    =)

     
  • At 2:35 da tarde, Blogger Isabel José António

    Caro Amigo João Filipe Ferreira,

    Muito obrigado pela sua visita a um dos nossos espaços.

    Gostei muito desta música mas o que me chamou mais a atenção, nem sequer foi a música. Foram sim as palavras que deixou no anterior post.

    Essas sim.

    Gostava de lhe deixar aqui umas "dicas" neste sentido:

    - A um nível muito profundo, todos estamos interligados;
    - Ninguém está, de facto, sozinho;

    - O que acontece, na maior parte dos casos, é que não conseguimos descobrir, que todas as soluções, todos os caminhos e todas as procuras, estão sempre dentro de nós mesmos;

    - Todos temos os "aparelhos biológicos" que nos permitem descobrirmo-nos a nós mesmos. Podem estar um pouco desactivados, de tão pouco uso que lhe damos, mas estão lá à espera que os descubramos e os punhamos em funcionamento;

    - Não há longe nem perto. Todos estamos no lugar onde devemos, o qual é adequado para aquilo que temos de aprender nesta vida;

    - Por vezes basta mudar de olhar e começar a VER, para que a nossa visão sobre as diversas questões, a que damos importância (sejam dinheiro, relacionamentos, solidão, desejos diversos, posição social, etc., etc., mude.

    - As mudanças (que são as constantes da vida, como dizia Gedeão)estão sempre a acontecer. Tudo muda (as nossas células, a nossa maneira de pensar, a nossa ficionomia, etc., etc.)menos a nossa maneira de pensar, que, normalmente, é sempre a mesma.

    - E assim, andamos uma vida inteira a "cumprir religiosamente" a via sacra dos círculos viciosos ou a dar em becos sem saída.

    Busque-se a si mesmo. Quem é? O que faz aqui? O quer da vida e o que quer dar à vida? Qual é o seu propósito, nesta passagem?

    Interrogue-se sempre. Não procure logo as respostas. Mas vá sempre fazendo estas perguntas. Mais cedo ou mais tarde... quando menos esperar, serão as respostas a virem ter consigo.

    Envio-lhe um grande abraço.

    José António

     
  • At 4:37 da tarde, Blogger Aleisa

    Música lindissima...

    Beijos grandes para ti João Filipe

     
  • At 9:26 da tarde, Blogger Farinho

    Não conhecia, mas é muito bonita...


    Beijocas

     


// --> Add to Technorati Favorites site statistics
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////-->
www.e-referrer.com
>