quinta-feira, outubro 22, 2009
Mensageiro da Desgraça

Fiz rabiscos de felicidade
Em folhas gravadas por dor,
Coloridos de alegria,
Envergonhando cenários de horror.

Fui o rei
No trono dos falhados,
Plantei sorrisos,
Juntei-me aos desesperados.

Fiz pular o meu mundo,
Tão rápido que o destruí por completo,
Queria mostrar-lhe o futuro,
Indicar-lhe o caminho certo.

Senti-me como um às num baralho de cartas,
Dono e senhor de tudo,
Imperial perante as jogadas,
Um fracassado ao segundo.



Fui o vento da esperança,
Soprei poeiras da felicidade,
Fui tudo sendo nada,
Fui o mensageiro da desgraça.
 
posted by João Filipe Ferreira at 3:17 da tarde | Permalink |


1 Comments:


  • At 3:35 da tarde, Blogger Dana

    Antes de mais obrigada pela visita ao meu blog,espero que tenhas gostado dos meus textos.
    Parabens pelo blog, gostei muito dos teus textos, continua o bom trabalho..
    Um beijo.. Dana

     


// --> Add to Technorati Favorites site statistics
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////-->
www.e-referrer.com
>